domingo, 28 de dezembro de 2008

É ASSIM, O AMOR...

"Contei os dias...Um a um os contei...E te amei... mais e maisTe amei...Lutei Venci, perdi Desisti, insisti Esperei...Renasci e morri Instantaneamente Corpo presente Sonho distante...E assim como antes, Recolho do vento, a vida. Abraço o tempo que descortina. Instantes... presentes e distantes...Eis as antíteses do amor. Paradoxos onde a dor É sorvida em taças de cristais...
Portanto, sem mais.... TE AMO!

quinta-feira, 25 de dezembro de 2008

FELIZ NATAL!!!!!!

Natal é alegria, simplicidade, ternura, esperança. Que seria do mundo sem o Natal? Que seria de nós, pobres mortais sacolejados pela carroça da vida, sem o banho de esperança de cada 25 de dezembro?
VEM, SENHOR JESUS! Vem transformar nossos sonhos em realidade. Ajuda-nos a construir, na partilha, na entreajuda, no amor. Ajuda-nos a não desalentar, a prosseguir. Pelo menos a prosseguir na esperança e na fé, pois seguir é continuar acreditando, buscando a verdade, a paz, a certeza, a luz no fundo do túnel, a sonhada fraternidade universal que teu presépio anunciou dois mil e dois anos atrás e continua apregoando até hoje. Queremos que nasças e renasças, cada dia, cada instante, na gruta alegre dos nossos corações".

segunda-feira, 22 de dezembro de 2008

quarta-feira, 10 de dezembro de 2008

Ah, triste coração! Por que chora em silêncio a dor que ninguem vê? Por que corre? Por que foge? Por que se esconde? Nas horas mais escuras da vida, qdo a dor rouba a vontade de viver, qdo procura resposta e não encontra, por que não volta seus olhos para o Criador?

sábado, 25 de outubro de 2008

UM DIA LENDO




“Um dia lindo é um dia lendo”, dizia o saudoso Artur da Távola. Nada melhor do que um livro que nos faz esquecer do mundo lá fora.

quarta-feira, 8 de outubro de 2008

DICA DE FILME



O Nome da Rosa (The Name of the Rose)

Filme baseado na obra do escritor Umberto Eco, narra a história de estranhas mortes que começam a ocorrer num mosteiro beneditino localizado na Itália durante a baixa idade média, onde as vítimas aparecem sempre com os dedos e a língua roxos. O mosteiro guarda uma imensa biblioteca, onde poucos monges tem acesso às publicações sacras e profanas.
A chegada de um monge franciscano (Sean Conery), incumbido de investigar os casos, irá mostrar o verdadeiro motivo dos crimes, resultando na instalação do tribunal da santa inquisição.
Dirigido por Jean-Jacques Annaud (Sete Anos no Tibet) e com Sean Connery F. Murray Abraham, e Christian Slater no elenco.
Ano: 1986.
Vale a pena conferir!

quarta-feira, 24 de setembro de 2008

Volte....

"Para passar-se de uma palavra ao seu significado, antes destrói-se-á em estilhaços, assim como o fogo de artifício é um objeto opaco até ser, no seu destino, um fulgor no ar e a própria morte. Na passagem de simples corpo a sentido de amor, o zangão tem o mesmo atingimento supremo: ele morre." (Clarice Lispector em A Descoberta do Mundo)

quarta-feira, 17 de setembro de 2008

Biblioteconomia

Biblioteconomia é uma ciência que estuda e trata o planejamento, a implementação, a administração e a organização da informação em unidades de informação (das quais podem ser citadas as bibliotecas, centros de documentação e informação, sistemas de informação, entre outros), nas organizações.

A palavra biblioteconomia é composta por três elementos gregos - biblíon (livro) + théke (caixa) + nomos (regra), assim biblioteconomia é etimologicamente o conjuntos de regras de acordo com as quais os livros são organizados em espaços apropriados : estantes, salas, edifícios. Organizar livros implica tanto ordená-los segundo um sistema lógico de classificação dos conhecimentos e conservá-los para que resistam a condições desfavoráveis de espaço e tempo, como torná-los conhecidos para que sejam utilizados pelo maior número de pessoas interessadas nos seus elementos formativos, informativos, estéticos ou simplesmente lúdicos que eles contém. Isso tem inicio antes mesmo do livro entrar na biblioteca - por meio de compra, doação ou permuta - através de uma cuidadosa seleção se o livro atente aos perfis dos respectivos usuários.

A Biblioteconomia é uma das profissões mais antigas da humanidade. Estima-se que talvez tenha se iniciado nos primórdios com as práticas estabelecidas pelos monges copistas. Ela é uma Ciência da Informação pelo seu caráter interdisciplinar e pelo seu objeto de estudo: a informação. Como seria impossível para determinado usuário de uma biblioteca em sua busca por informação, folhear todos os livros, ouvir todos os CD's, ou manusear todas as formas de suporte da informação presentes na biblioteca, são desenvolvidas técnicas e serviços de forma a simplificar o acesso a informação contida no suporte (impresso, digital, sonoro, etc.).

As principais áreas de pesquisa em biblioteconomia são: representação temática, representação descritiva, bibliotecas públicas, bibliotecas escolares, bibliotecas universitárias, bibliotecas digitais, serviço de referência, catalogação bibliográfica, línguagens documentárias etc.